DAIKI MINOTTI

27 de dezembro de 2019

Estou tomando uma Coca-Cola com gelo e limão no bar do Hotel Andaz em Tokyo. A vista é inacreditável.

É a sexta vez consecutiva que repito este ritual. Logo que cheguei pela primeira vez, ao colocar com o pé direito na escada do ônibus que me levaria de Narita, até o centro de Tokyo, já me apaixonei pelo Japão. Sim, amor à primeira vista. A educação do povo, a polidez, a preocupação com o próximo, o silencio, a arquitetura, a moda, o design, a elegância, e a tradição convivendo com o futuro me conquistaram, ahhh, e estava me esquecendo meu Deus, a comida fantástica! Cada dia é vivido com muito prazer, andando e andando pelas ruas da cidade. Um dia, durante um destes intermináveis passeios me deparei com um famoso hotel da década de 60.. Os interiores são simplesmente maravilhosos. Sentado no lobby penso em desenhar alguns móveis inspirados neste Japão pós guerra. Seria uma lembrança de um lugar que eu amo tanto.

18 de maio de 2020

A Minotti me pediu para escrever algumas palavras sobre a coleção Daiki, Paro de teclar, penso em como acabar este texto e lembro de algo triste, este ano não conseguirei ir tomar a minha tradicional Coca-Cola no dia 27 de dezembro, mas com certeza tentarei ir ver as flores das cerejeiras, a beleza em seu esplendor e lógico, com muito mais prazer.

DAIKI MINOTTI

projeto >junho . 2020
-
design > studio mk27
concepção > equipe studio mk27
autor > marcio kogan
co-autores > diana radomysler . mariana ruzante
equipe de comunicação > carlos costa . laura guedes . mariana simas
agradecimento especial > rodolfo dordoni
-
fotógrafo > minotti

27 de dezembro de 2019

Estou tomando uma Coca-Cola com gelo e limão no bar do Hotel Andaz em Tokyo. A vista é inacreditável.

É a sexta vez consecutiva que repito este ritual. Logo que cheguei pela primeira vez, ao colocar com o pé direito na escada do ônibus que me levaria de Narita, até o centro de Tokyo, já me apaixonei pelo Japão. Sim, amor à primeira vista. A educação do povo, a polidez, a preocupação com o próximo, o silencio, a arquitetura, a moda, o design, a elegância, e a tradição convivendo com o futuro me conquistaram, ahhh, e estava me esquecendo meu Deus, a comida fantástica! Cada dia é vivido com muito prazer, andando e andando pelas ruas da cidade. Um dia, durante um destes intermináveis passeios me deparei com um famoso hotel da década de 60.. Os interiores são simplesmente maravilhosos. Sentado no lobby penso em desenhar alguns móveis inspirados neste Japão pós guerra. Seria uma lembrança de um lugar que eu amo tanto.

18 de maio de 2020

A Minotti me pediu para escrever algumas palavras sobre a coleção Daiki, Paro de teclar, penso em como acabar este texto e lembro de algo triste, este ano não conseguirei ir tomar a minha tradicional Coca-Cola no dia 27 de dezembro, mas com certeza tentarei ir ver as flores das cerejeiras, a beleza em seu esplendor e lógico, com muito mais prazer.